Últimas Notícias

Governo baiano realiza nesta sexta-feira licitação para construção de nove frigoríficos

A licitação para a construção de nove matadouros frigoríficos,  com capacidade para 30 animais/dia, podendo chegar a 100, vai acontecer nesta sexta-feira (19), a partir das 10h, na sede Secretaria da Agricultura (Seagri), localizada no Centro Administrativo da Bahia (CAB). As unidades frigoríficas serão implementadas nos municípios de Araci, Barra, Iguaí, Itaberaba, Itanhém, Medeiros Neto, Paramirim, Santa Rita de Cássia e Valente. Empresas interessadas em participar podem acessar o edital na página da Seagri, no link:

www.seagri.ba.gov.br/edital_concorrencia_001_2013.pdf

Além desses matadouros frigoríficos, ainda estão programadas para acontecer no mês de agosto licitações de mais três unidades, com capacidade para abate de 100 animais/dia. Estes certames serão realizados na sede da Superintendência de Construções Administrativas da Bahia (Sucab), nas seguintes datas: unidades de Remanso e Valença, no dia 16, e a unidade de Bom Jesus da Lapa, no dia 19. O certame da unidade de Morro do Chapéu já aconteceu no último dia 5 de julho.

A Bahia possui hoje 33 frigoríficos e mais 20 estão em processo de construção (esses 13 que estão sendo licitados pelo Estado e mais sete da iniciativa privada). Para a construção dos 13 matadouros frigoríficos, serão investidos cerca de R$ 26 milhões, e mais R$ 17 milhões para compra de equipamentos. Os recursos são do governo do Estado e do governo federal, através dos ministérios da Agricultura (Mapa), e Desenvolvimento Agrário (MDA).

 

Iniciativa é inédita no País

 

O secretário estadual da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, considera que está é uma ação inédita e pioneira no País. “isso demonstra que o governo está preocupado com a saúde da população, e executa ações com o objetivo de garantir o consumo de carne saudável, combatendo o abate clandestino”, afirma.

Salles lembra que “dizia-se que não era possível construir um abatedouro com menos de R$ 10 milhões. Nós provamos que podemos construir com aproximadamente R$ 3 milhões, e a planta que desenvolvemos tornou-se referência nacional, aprovada pelo Ministério da Agricultura”.

A construção dos novos matadouros frigoríficos é parte do Projeto de Descentralização do Abate no Estado da Bahia, programa criado pela Seagri/Adab com o objetivo de combater o abate clandestino, atender a demanda de municípios que não dispõem de frigoríficos, e oferecer à população carne saudável e de qualidade.

“Estamos criando condições para que o pequeno produtor tenha como e onde abater seus animais, com segurança sanitária, e ao mesmo tempo garantindo a saúde da população e o combate ao abate clandestino”, ressalta Salles. Além de garantir o aumento do abate inspecionado, o projeto fomenta a geração de empregos e renda.

 

Veja também!

Itaipava emprego Alagoinhas

Dono da Itaipava divulga nota de esclarecimento sobre novas contratações

Grupo Petrópolis, dono da Itaipava, que possui uma unidade em Alagoinhas, divulgou nota esclarecendo forma de seleção para preenchimento de vagas de emprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *