27 de novembro de 2014
Últimas Notícias

BID avalia cooperação técnica com o Governo baiano

A unidade central do Sinebahia (Iguatemi) recebeu a visita de uma missão do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), nesta segunda-feira (6), como marco inicial de uma futura cooperação técnica com o Governo do Estado, visando fortalecer aspectos institucionais de mercado de trabalho e educacionais no Nordeste.

“Esta cooperação prevê diagnósticos da educação e de mercados de trabalho, com foco nas populações mais vulneráveis, um mapeamento das políticas existentes e o desenho de uma possível estratégia para melhorar as oportunidades destas populações e a produtividade do setor produtivo do estado”, adiantou a chefe da Divisão de Mercados de Trabalho do BID, Carmen Pagés.

Recebidos pelo secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Nilton Vasconcelos, pela superintendente estadual do Desenvolvimento do Trabalho, Maria Thereza Andrade, e outros assessores locais, os técnicos do BID ouviram informações sobre temas específicos, tais como o funcionamento do Sinebahia no estado.

Entre os assuntos, foram tratados a intermediação da mão de obra, os serviços de capacitação/profissionalização disponíveis às populações vulneráveis, a interlocução entre o serviço de emprego, instituições de capacitação e as empresas, além das estratégias de capacitação da mão-de-obra dos grandes projetos de investimento do Estado. Os representantes conheceram ainda as necessidades de financiamento da área de trabalho na Bahia.

Cooperação

Vasconcelos considerou positivo o resultado da visita “porque abriu uma perspectiva de cooperação para um serviço, que é referência em Salvador, e que precisa ser ampliado para as grandes cidades do interior, com o mesmo grau de complexidade do seu atendimento na capital”. Na ocasião da visita, estavam presentes também representantes do Serviço Nacional de Emprego da República Dominicana, que vieram conhecer mais e novos detalhes da metodologia do serviço, que alinha intermediação, qualificação e habilitação ao seguro-desemprego.

“Temos uma relação de cooperação técnica com a República Dominicana que, por sinal, é um dos países financiados pelo BID. Por isso, este encontro não poderia ter sido mais proveitoso para nós“, afirmou o secretário.

Maria Thereza destacou a relevância do encontro, “por se tratar de um banco internacional que marca presença em diversos países do mundo e que veio à Bahia conhecer a metodologia empregada pelo SineBahia”.

Especialistas

A equipe do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) é multidisciplinar e inclui especialistas de diversas divisões da Gerência Social, sendo formada também pelo chefe da Divisão de Gênero e Diversidade, Andrew Morrison, pelo especialista sênior da Divisão de Educação, Marcelo Perez Alfaro, pela economista sênior da Divisão de Mercados de Trabalho, Laura Ripani, e pela economista da Divisão de Gênero e Diversidade, Luana Garcia Ozemela. Pela equipe da República Dominicana estavam Sarah Pimentel, Deyanira Matrillé, Faustino Polanco e Paola Velázquez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>