30 de outubro de 2014
Últimas Notícias

BB reduz novamente taxas de linha de capital de giro com recursos do BNDES

Banco do Brasil anunciou ontem, 6, nova redução dos juros da linha de crédito BNDES Capital de Giro Progeren. Para as micro e pequenas empresas, a taxa mínima passa de 0,89% para 0,64% ao mês e a taxa máxima de 1,25% para 0,80% ao mês, redução de  28% e 36% nos juros mínimos e máximos, respectivamente. A linha conta com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), integrando o Programa de Apoio ao Fortalecimento da Capacidade de Geração de Emprego e Renda (BNDES Progeren).

Esta é a terceira redução de taxas nesta linha de crédito desde o início do Programa BOMPRATODOS, em abril deste ano. A medida acompanha a última resolução anunciada pelo BNDES, que reduziu os juros do Programa de 9,5% para 6% ao ano para as micro e pequenas empresas, 6,5% para as médias empresas e de 10% para 8% ao ano para as grandes empresas.

Além de oferecer as menores taxas na linha de crédito, o Banco do Brasil é líder de mercado no desembolso do Programa Progeren, respondendo por 88% dos empréstimos para as microempresas e 59% para as pequenas empresas. Em 2011, o BB foi responsável pelo desembolso de R$ 2,1 bilhões no Programa. Até maio de 2012 o desembolso alcançou R$ 661 milhões.

O prazo de pagamento da linha permanece em até 36 meses, incluído o período de carência de até 12 meses. O piso da linha é de R$ 20 mil e o teto é de R$ 20 milhões por beneficiário para as micro, pequenas e médias empresas. Já para as grandes empresas o teto pode chegar a R$ 50 milhões.

O público-alvo são as empresas do setor industrial de determinadas atividades definidas pelo BNDES. A última resolução do Banco de Desenvolvimento também ampliou os setores beneficiados pelo Programa: a partir de agora as médias empresas de toda a indústria de transformação poderão obter financiamento do BNDES Progeren. Anteriormente, o crédito estava disponível apenas para determinadas categorias industriais. Nas regiões abrangidas pelos Fundos Constitucionais do Norte e do Nordeste, a linha atende todos os segmentos da economia, desde que a empresa fature até R$ 90 milhões por ano.

Para Osmar Dias, vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas Empresas do Banco do Brasil, com a nova redução de juros, o BB reforça, mais uma vez, seu posicionamento ao dar fôlego financeiro às micro e pequenas empresas e empreender esforços conjuntos com o Governo Federal para fomentar investimentos no Brasil.

Já para Paulo Caffarelli, vice-presidente de Atacado, Negócios Internacionais e Private Banking, a medida vem ao encontro do Programa BOMPRATODOS, uma vez que reduz os custos financeiros para as empresas, principalmente para o segmento industrial, contribuindo para a elevação da produção e dos níveis de emprego e renda.

O programa do BNDES tem vigência até 31 de dezembro de 2012 com orçamento disponível de R$ 14 bilhões, no qual R$ 11 bilhões são destinados às MPE e R$ 3 bilhões para as médias e grandes empresas. O BNDES Progeren é destinado a aumentar a produção, o emprego e a massa salarial no País.

As alterações nos encargos financeiros da linha passam a valer a partir da próxima sexta-feira, dia 8.

Liberações do BOMPRATODOS para MPE ultrapassam R$ 12,5 bilhões

Desde o dia 12 de abril, início das reduções de juros promovidas pelo BB, até o último dia 2 de junho, foram realizadas mais de 1,4 milhão de liberações de crédito nas linhas para pessoas jurídicas priorizadas na estratégia, totalizando mais de R$ 12,5 bilhões. Este resultado corresponde a crescimento de 21,85% de desembolso de crédito médio por dia no período, comparado com março de 2012, mês imediatamente anterior à vigência das medidas.

Somente no BB Giro Empresa Flex, principal linha de capital de giro do Banco para as MPE, o volume liberado é da ordem de R$ 2,8 bilhões desde 12 de abril até o último dia 2 de junho. Crescimento de 51,3% na média diária de desembolso, comparado a março de 2012.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>